Segunda-feira, 23 de Março de 2009

Arco Rodoviário no Amapá- Agora faço parte deste Projeto

O Sonho começa a se realizar...




A maioria dos bairros das cidades da Baixada Fluminense sempre foi considerada o dormitório da grande região Metropolitana do Rio de Janeiro. É o tão chamado e conhecido Grande Rio. Nessa região há um grande contingente de pessoas que dependem das imediações da cidade do Rio de janeiro para trabalhar e onde há as melhores ofertas de emprego.


Falando da região da baixada, região dormitório do Grande Rio, me refiro as cidades de Nova Iguaçu, começando pela sua dimensão, Duque de Caxias, Queimados, Belford Roxo, São João de Meriti e outras pequenas cidades que ao longo da década de 80 começaram a sua emancipação e são considerados Municípios novos, como Nilópolis, Queimados, Japerí, Mesquita, e algumas outras.


É fato que a região cresceu muito em termo de comércio e também as Industrias instaladas nessas cidades tem favorecidos muito a população local que aos poucos vão deixando de ser região dormitório do Grande Rio, isso porque a maioria do contingente trabalhavam na Cidade do Rio de janeiro e adjacências e vinham para a região no fim do dia enfrentando o martírio dos engarrafamentos na Avenida Brasil e Linha Vermelha e também o lendário ramal dos trens da Central do Brasil. E aos poucos a Baixada Fluminense vai assumindo a sua vocação econômica e que vem impulsionando o crescimento e a modernização local.


Baixada Fluminense, que foi um dos primeiros celeiros econômicos do Brasil Colônia com imensas terras monopolizadas com a plantação do ciclo do açúcar do século XVIII e XIX, antes tão explorada e com grande contingente de trabalho escravo e depois abandonada depois de tanta exploração, explorada depois novamente com a especulação imobiliária e que atraiu muitos migrantes de outros estados principalmente do Nordeste e Minas gerais como é de minha geração de antepassados, agora começa a retomar o caminho do crescimento econômico, social e também tecnológico, agora com o advento da Internet e com a especialização de sua população.



AS MARGENS DO RIO IGUAÇÚ SONHAMOS...



Este foi um começo de ano histórico para o nosso bairro Amapá, e como este Blog tem a missão de ser o Porta-Voz de tudo o que acontece no local, e principalmente o que vem beneficiar e orgulhar a nossa região, tenho o prazer aqui de noticiar, como um repórter amador tudo o que está acontecendo no local e o progresso que começa a tecer na região.


12 de Fevereiro- Segunda-feira: Madrugada de neblina de lua cheia no bairro e é o começo da segunda semana no bairro, os primeiros ônibus começam a sair para a cidade levando os trabalhadores para mais um dia e mais uma semana de batalha. Mas perto do ponto final do ônibus do bairro ali se forma uma imensa fila e até houve acampamento de pessoas em frente da sede de uma empresa que começa a se instalar na região e que faz parte de um Grupo de Consórcio que vão construir o trecho do tão esperado Arco Rodoviário que terá parte de suas quilometragens que vão passar pelo bairro.


A promessa de geração de renda para a população local é grande e muitos estavam ali com seus currículos na mão esperando a hora do amanhecer para entregar aos responsáveis pela coleta. Aos poucos a multidão foi se aglomerando formando uma grande fila ao longo do portão da onde será a sede da futura sede logística do Consórcio no bairro e isso tem gerado grande mobilização no local e dos bairros próximos também.


Estamos atentos ao impacto social que isso causará na região, que pode deixar de ser um bairro dormitório como muitos da baixada Fluminense e será pólo de geração de renda da população local, gerará progresso local e também por estarmos perto da variante da nova Estrada que está para ser construída isso pode trazer empresas, empreendimento imobiliário, muito trabalho para a população e geração de divisas econômicas.


Diante disso, estaremos aqui semanalmente acompanhando passo a passo de tudo o que está acontecendo no local e especialmente no entorno da logística da Obra que está para se desenvolver na localidade.


Junto a essa edição, como dissemos antes, estaremos explanando uma série de reportagens históricas contando um pouco da história do bairro e sua integração nacional na época do Brasil Colônia e sua integração com a história da Baixada Fluminense.



Abraço a todos.



Paulo Escriba

publicado por pauloescriba às 07:32
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Agosto 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. Vai começar uma novela

. Já começou a novela

. Vai começar uma Novela

. História do bairro Amapá ...

. ...

. HISTÓRIA DOBAIRRO AMAPÁ

. A minha versão sobre a Hi...

. História do Amapá- Parte ...

. História do Amapá - Part...

. História do Amapá-Parte I

.arquivos

. Agosto 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Dezembro 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Abril 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

.tags

. todas as tags

blogs SAPO

.subscrever feeds